Turbine suas sessões de brainstorming usando um mapa mental

Publicado em 23/02/2021 por Amanda Kennedy e Marcela Gava

Os mapas mentais podem dar uma boa vantagem competitiva à sua empresa permitindo pivotar o negócio ou criar novos fluxos de receita.

O que é mapa mental?

O mapa mental (mind mapping, em inglês) pode ser a técnica de brainstorming que sua empresa precisa para encontrar soluções criativas em meio à pandemia. 

A partir dele, é possível transformar seu modelo de negócio, atender melhor as experiências virtuais dos clientes ou gerar novos fluxos de receita para manter sua empresa prosperando na economia cada vez mais digital.

Outra vantagem do mapeamento mental é permitir que os empreendedores deem um gás na sua própria criatividade, especialmente neste período de trabalho remoto. 

Segundo uma pesquisa do Capterra sobre a experiência das pequenas e médias empresas (PMEs) ao migrar para o digital durante a pandemia, 32% dos trabalhadores consideram a comunicação com os colegas como um desafio. Aí é onde os mapas mentais podem ser úteis, ajudando as equipes a liberarem sua criatividade

Quando equipes usam programas para criar mapas mentais colaborativos, excelentes resultados podem ser alcançados –em conjunto e a distância. 

Se você ainda está em dúvida sobre o que é mapa mental, neste artigo vamos compartilhar informações sobre a técnica e quais vantagens ela pode trazer para os donos de pequenas e médias empresas.

O que é um mapa mental?

Um mapa mental é uma ferramenta de brainstorming para ajudar a criar associação entre ideias. Esta técnica usa laços para representar as ideias principais, a partir das quais saem linhas que se ramificam em ideias relacionadas.

Os mapas mentais tornaram-se populares na década de 1970 graças a Tony Buzan, que estabeleceu as seguintes regras para o mapeamento mental (conteúdo em inglês):

  • Defina uma ideia central, como uma imagem, tópico ou palavra
  • Coloque uma ideia principal em cada ramo
  • Coloque subtópicos nos respectivos ramos secundários de cada ramo principal
  • Dê ênfase, quando necessário, e mostre claramente as associações
  • Use três ou mais cores
  • Use uma palavra-chave ou imagem por linha
  • Escreva todas as palavras com clareza (usando letras maiúsculas, por exemplo)
  • Deixe espaço para tópicos inesperados ou novas ideias
  • Deixe sua mente viajar
  • Desenvolva seu estilo pessoal de mapas mentais

Como criar um mapa mental?

Ao seguir as regras listadas acima, você pode criar um mapa mental usando papel e caneta, um quadro branco ou um software. 

Neste artigo, usou-se uma folha de papel para a criação de um mapa mental com as principais ideias que seriam inseridas no texto. Um software também foi utilizado para ajudar na tarefa.

Um exemplo sobre o que é mapa mental
Um exemplo de mapa mental criado em uma folha de papel

Embora o papel e a caneta possam ser muitos úteis, fica evidente a vantagem de softwares de mapeamento mental no momento de recriar uma versão online da estrutura.

Os programas para criar mapas mentais permitem que você modifique as anotações e corrija erros com mais facilidade. 

Além disso, com tais softwares, é fácil compartilhar seus mapas mentais digitais com colegas, de maneira simples, enviando um link. 

Muitos desses programas vêm com um modelo de mapa mental que permite criar conexões e laços sem ter que começar a projetar do zero. 

Quais são as vantagens dos mapas mentais para pequenas empresas?

Nas pequenas e médias empresas (PMEs), os mapas mentais são um excelente recurso de brainstorming para momentos de bloqueio criativo ou quando for necessária uma ajuda para encontrar soluções novas e criativas. Inclusive, o uso de outras ferramentas de inovação atrelado ao mapeamento mental pode ser um diferencial na sua rotina. 

Os mapas mentais:

  • Funcionam bem com equipes pequenas. Os grupos de brainstorming devem ser pequenos. Como PMEs já costumam trabalhar com equipes menores, os mapas mentais podem ser a ferramenta perfeita para usar na sua próxima sessão de brainstorming. Softwares de gestão de ideias também podem ajudá-lo nesse tipo de atividade.
  • Funcionam como uma ótima ferramenta de pesquisa da concorrência. Muitas vezes, as pequenas empresas possuem uma forte concorrência, e os mapas mentais podem ajudá-las a visualizar quem são seus concorrentes e quais características exclusivas de vendas eles oferecem e que você também pode adicionar à sua oferta de produtos ou serviços.
  • Podem dar mais clareza às funções internas. É comum em PMEs que o mesmo funcionário desempenhe funções variadas. Usando um mapa mental, você pode fazer um trabalho conjunto com o time para definir e delinear com mais clareza as tarefas que devem ser priorizadas e focar naquilo que realmente agrega valor ao seu negócio.
  • Ajudam na memória e aprendizagem, o que melhora os processos de planejamento e preparação para o futuro. Funcionários inteligentes, inovadores e que encontram soluções para problemas são essenciais em pequenas empresas, onde as pessoas executam várias tarefas ou trabalham em equipes enxutas, mas com muitas responsabilidades. Por ser visual, o mapa mental fixa melhor na memória quando as pessoas o usam como uma ferramenta de exploração de ideias. Isso pode ser benéfico se você criar um mapa mental quando estiver fazendo a análise final de um projeto, ajudando a garantir que seus funcionários possam aprender com os erros do passado e aplicar os novos conhecimentos a problemas no futuro. Assim, sua empresa aumenta a capacidade para atender melhor os clientes.
  • Possibilitam soluções novas e exclusivas, que podem ajudar a transformar seu negócio. As pequenas empresas podem ser especialmente suscetíveis a grandes flutuações econômicas, como visto no caso da pandemia atual do coronavírus. Portanto, ser capaz de se adaptar rapidamente é importante. Com um mapa mental, você pode usar imagens, ícones ou outros recursos visuais para estimular novos pensamentos e ideias que são mais difíceis de alcançar com o brainstorming baseado apenas em texto.

 OUTRAS FERRAMENTAS DE VISUALIZAÇÃO

O que os mapas mentais têm de diferente em relação a outras técnicas de visualização?

Mapa conceitual: esta técnica está mais relacionada a tópicos complexos do que o mapeamento mental. O mapeamento conceitual mostra a relação dos componentes de um conceito específico –como a ciência por trás de cozinhar alimentos– em vez de permitir a livre associação de ideias.

Diagrama de aranha: um mapa mental é, na verdade, um tipo de diagrama de aranha. Ou seja, ele inclui uma ideia principal com vários subtópicos saindo dela, lembrando as pernas de uma aranha.

Em tempos de incerteza, não subestime o poder do pensamento criativo

Os mapas mentais podem ser uma ferramenta poderosa para soltar a criatividade e desbloquear novos padrões de pensamento. 

Muitas vezes, eles são uma opção deixada de lado para a criação de valor para o seu negócio, mas podem ser uma ótima ferramenta levando em conta que as empresas precisam mais do que nunca de soluções criativas para gerar boas experiências virtuais para seus clientes durante a pandemia. 

As empresas que têm mais flexibilidade e se adaptam com facilidade aumentam as chances de sobreviver e prosperar em períodos de incertezas, especialmente aquelas que investem em tecnologia e soluções digitais.

Escrever em lousas digitais [colocar link] ou em folhas de papel pode ter funcionado até 2019, mas a verdade é que temos que nos adaptar cada vez mais a um ambiente digital. Portanto, dispor de um programa para criar mapas mentais pode ser crucial, pois o número de pessoas trabalhando remotamente deve aumentar em 2021. 

Programas para criação de mapas mentais permitem que você compartilhe ideias de maneira instantânea com seus colegas de trabalho. Além disso, são mais úteis do que o esquema manual, porque você pode facilmente –e literalmente– mover ideias ou editá-las em vez de rabiscar ou começar de novo.

Busca programas para criar mapa mental? Confira nosso catálogo!

Esse artigo pode se referir a produtos, programas ou serviços ainda não disponíveis em seu país, ou pode ter restrições legais ou regulatórias. Sugerimos que você consulte o provedor de software diretamente para informações sobre disponibilidade do produto ou conformidade com as leis locais.